Não tem quem escape.

 

Começa numa explosão de felicidade recheada de presentes vindos da fada, da pombinha, do ratinho e mais do que de repente o mundo de leite vira permanente.

Sem mandar presente, sem um lembrete.

Porém a banguelice é bonitinha…(no começo).

Alguns dentes caídos me valeram a troca por LPs da Rita Lee. Esse acúmulo –  era o programa de milhagem da época.

O hits mais ouvidos na vitrolinha Philips eram: Lança Perfume, Saúde, Banho de Espuma e Flagra.

Ao final de cada música –  a agulha voltava aos inícios – novamente e novamente.

A dança na sala recomeçava como se fossem todas a 1a vez, e o timbre de voz – sempre em alto e bom tom  – sem fazer ideia de :

Qual era o flagra?

Que que tem cheiro de coisa maluca?

Mas sempre torcia para que se a Debora quer, que o Gregori pegue!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: